SAIBA COMO ESCOLHER O MELHOR ÓLEO PARA O SEU CAMINHÃO

como-cuidar-do-seu-caminhão-valvoline-blog

Hoje nosso post é para você, caminhoneiro! Afinal de contas, você move a nossa nação e seu pesadão precisa de uma atenção especial. O mais legal de conversar com você é que eu sei do vínculo lindo com seu caminhão, tipo o que gente como eu cria com carros antigos.

Ainda assim, informação é tudo nessa vida e não é porque são grandes e robustos que não quebram. Aliás, um caminhão bem cuidado é essencial para que nunca deixe você na estrada com uma carga por ser entregue.

Mas com o que é preciso se preocupar? Um montão de coisas! Muito mais coisas que num carro de passeio. Isso porque o caminhão roda muito mais, por isso você precisa estar ainda mais atento em relação a segurança, já que é um veículo super pesado (especialmente carregado) e um acidente pode ser sério demais.

Por isso é tão importante verificar o estado dos freios com extremo cuidado. Todos os sistemas de frenagem (freio de mão e acionamento do pedal de freio), bem como o sistema de acionamento da embreagem.

O caminhão também precisa de atenção aos fluidos. Conferir os níveis de fluido de arrefecimento e de óleo de motor, assim como garantir que não haja vazamentos em nenhum dos dois é de extrema importância.

A parte debaixo do caminhão também requer muita atenção, especialmente por causa das cargas que ele leva. A suspensão precisa estar sempre em dia. Verificar bandejas, pivôs, terminais de direção, batentes, molas, coifas, coxins, buchas, amortecedores e garantir que o alinhamento e balanceamento esteja sempre em ordem são vitais.

O cuidado com os pneus também é super importante. Verificar as condições de rodagem dos mesmos e a calibragem correta ao longo do tempo e ter cuidado com as manutenções ou substituições dos pneus.

Isso tudo só para começarmos… já que também não dá para vacilar com o sistema de iluminação e sinalização nem nenhum outro, quando tratamos de caminhões.

Como sempre, a manutenção preventiva impacta diretamente nos custos operacionais. Ainda mais aqui, que temos uma situação onde caminhão parado por problemas mecânicos é um grande prejuízo.

A qualidade de peças e produtos na hora de fazer a manutenção do caminhão também impactará diretamente no tempo de vida desses componentes e na saúde do caminhão. Mais uma vez, obedecer as especificações do fabricante é essencial para garantir a vida útil dos sistemas.

Só pra gente mencionar um ponto, o óleo lubrificante é uma questão bem crítica aqui. Como sabemos, óleo sintético tende a ter tecnologia superior no que tange questões como periodicidade de troca, proteção contra depósito de resíduos (borra) e outras vantagens, mas a decisão por um óleo sintético ainda está atrelada à recomendação do fabricante do veículo.

Obedecer também as especificações de viscosidade e qualquer outra característica é essencial para o bom desempenho do óleo, sempre associado com a utilização de combustível de qualidade.

Se o seu caminhão está precisando de óleo sintético para motor, o Turbo Diesel Superior, da Valvoline conta com tecnologia que obedece às tendências de mercado e ainda te traz maior performance e rendimento. Ideal pra aplicações dentro e fora de estrada. A proteção contra desgastes é excelente e impacta também no consumo de combustível, além de facilitar a partida a frio.

Mas se você precisa de óleo mineral, sem problemas. A Valvoline conta com uma linha de produtos de altíssima qualidade como a Turbo Diesel e a Premium Blue, que também trazem benefícios em relação à durabilidade dos componentes e economia de combustível, com pacotes de aditivos mega especiais, pensados com todo cuidado pro seu caminhão.

E aqui vai uma dica básica também sobre o sistema de transmissão que eu gosto de dar pro pessoal de carros de passeio, mas que é ainda mais significativa para você, que dirige veículos pesados (ou mesmo leves, mas muito carregados).

A embreagem é um sistema um pouquinho ignorado por parte dos motoristas. Maus hábitos na condução aceleram desgastes no sistema de embreagem ou causam danos bem grandes nele. Um péssimo hábito, por exemplo, é o de apoiar o pé no pedal da embreagem. Essa atitude, aparentemente inofensiva, pode aquecer o sistema (por causa de atrito excessivo) e desgastar os componentes mais rápido. Segurar o caminhão parado numa ladeira dosando o peso do pé na embreagem então… fora de cogitação! Isso é praticamente um assassinato para o sistema de embreagem!

Posso garantir por experiência, já que cansei de trocar disco de embreagem e platô de uma pobre S10 que pertencia a um depósito de materiais de construção e que ninguém conseguia convencer o motorista de desengatar ela e pisar no freio na ladeira, especialmente carregada. Cheguei a pegar o platô quebrado em 4 partes por causa dessa teimosia. Tadinha. A desculpa dele era que “o motor diesel aguenta”. O motor, talvez, mas a embreagem, não, né…

A manutenção do sistema de transmissão também é super importante e trocar o óleo é necessário! Algumas pessoas insistem em dizer que óleo de transmissão não se troca e esse é um erro fatal para este componente tão importante (e tão caro) do seu caminhão. Todo óleo precisa ser substituído em algum momento e o da transmissão não é diferente.

A linha Turbo Diesel Transmission, da Valvoline vai garantir proteção contra desgastes das peças metálicas da sua transmissão, além de resistir à formação de espuma, super crítica no sistema! É outro cuidado especial que a Valvoline oferece para o seu caminhão.

Enfim, os cuidados com o caminhão precisam ser realmente levados a sério já que estamos sempre falando de prejuízos ao bolso (nesse caso, tanto de uma manutenção corretiva quanto pelo atraso na entrega de uma carga) e à vida também. A melhor estratégia, como sempre, é cuidar antes que quebre e garantir uma viagem tranquila e um serviço bem prestado.

E aí, amigo caminhoneiro? Como está cuidando do seu parceirão de trabalho, companheiro de estrada de Sol a Sol?

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Confira Outros Artigos

Confira

Você sabe como funcionam os sensores de temperatura do seu carro?

Manter a boa temperatura do motor e outros componentes mecânicos é primordial para evitar gastos…