Você sabe como funcionam os sensores de temperatura do seu carro?

Manter a boa temperatura do motor e outros componentes mecânicos é primordial para evitar gastos desnecessários e muita dor de cabeça. É importante que o sensor de temperatura e os sistemas de arrefecimento estejam sempre em ordem.

Muitas vezes quando falamos sobre sensor de temperatura do veículo, logo as pessoas associam com o interruptor térmico (popularmente chamado de “cebolão”) que ligava a ventoinha elétrica do sistema de arrefecimento e a válvula termostática, que controlava o fluxo de água entre o motor e o radiador.

Com o avanço da injeção eletrônica passamos a ter um número maior de sensores, que podem, por exemplo, controlar a temperatura do ar que entra no motor, ligar a partida a frio do etanol, regular o ar condicionado, monitorar o câmbio e os diferenciais, informar como está o clima, entre outros.

De acordo com a sofisticação do veículo o número de sensores aumenta, tornando a condução mais confortável, segura e facilita o diagnóstico e manutenção para a reparação.

Quando falamos mais diretamente do motor do veículo, temos um sensor de temperatura – constituído por um termistor cerâmico, que recebe o nome de NTC (Negative Temperature Coefficient), localizado junto ao cabeçote, área superior e mais quente do motor.

Dessa forma, a resistência elétrica desse termistor acaba mudando de acordo com a temperatura medida. Como as essas duas grandezas são inversamente proporcionais, conforme seja a variação na resistência, há um aumento ou diminuição da sua tensão, que é o que permite identificar se houve variação na temperatura do motor com precisão.

O sensor de temperatura do veículo é um componente de grande importância para todo o sistema de arrefecimento do motor. É esse componente que controla a temperatura do motor e indica quando há algum problema que exige atenção do motorista.

Nas revisões periódicas é importante a verificação de funcionamento desses sensores, inclusive, no quadro de instrumentos temos indicadores que podem ajudar na identificação de falhas.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Confira Outros Artigos

Confira

Você sabe como funcionam os sensores de temperatura do seu carro?

Manter a boa temperatura do motor e outros componentes mecânicos é primordial para evitar gastos…